Pela 1418478848949º vez acusaram os videogames!

Durante um jornal da Fox News, o âncora Jon Scott comentou que os jogos eletrônicos podem ter influenciado em um atentando que aconteceu nos EUA.

Scott disse isso ao indagar seu convidado, Bernard Zapor, ex-agente da polícia dos EUA. Embora Zapor não tenha confirmado a suposta influencia, que já foi desmentida por vários estudos, ele comentou que as redes sociais e mensagens podem acabar influenciando as pessoas. Ele pode ter relacionado isso ao fato de que o atirador de Buffalo, cidade do atentado do último sábado, usou o Discord para premeditar o atentado. Confira:

Parece que as coisas pioraram muito desde que os videogames se tornaram tão realistas e tão violentos. Você já fez pesquisa ou aprendeu que os videogames tendem a apenas dessensibilizar as pessoas para o resultado real de puxar um gatilho?” disse o âncora da FOX, com a seguinte resposta de seu convidado:

Eu acho que em termos de causalidade, o que a informação nos mostra é que à medida que nos tornamos mais desprivilegiados como indivíduos, e grupos, as pessoas deixam uma fé. Por exemplo: as unidades familiares se tornam menores ou mais desconectadas, vivemos mais distantes. Estamos nos comunicando através de um meio que nunca foi realmente destinado para seres humanos, que é o online. Ou através de SMS. Ou esse tipo de coisa. Nós nos separamos como humanos para ter conexões que constroem a moralidade interior.” disse.

Confira abaixo uma lista de todos que já acusaram os videogames:

  • Em 2021, um deputado democrata apresentou uma lei para proibir a venda de jogos violentos, e adivinha? Apontou que os games influenciaram atentados no país norte-americano;
  • Em 2020, um estudo reforçou que os jogos não influenciam em comportamentos violentos;
  • Em 2019, o ex-presidente dos EUA, Donald Trump, diz que os jogos foram um dos culpados do massacre em El Paso, no Texas. Clique aqui para ler mais;
  • Também em 2019, o vice-governador do Texas, Dan Patrick, também acusou os jogos pelo mesmo massacre em El Paso. Clique aqui para ler mais;
  • Mais uma vez, em 2019, o deputado federal brasileiro Júnior Bozzella, do PSL, apresentou um projeto de lei para proibir a venda e distribuição de jogos violentos no Brasil, apontando que os games foram culpados por um massacre na escola de Suzano;
  • É, em 2019 (2019 foi um ano inspirador para os políticos), um deputado chileno disse que os games influenciaram em vários aspectos protestos violentos no Chile.

Se você comprar algum produto ou serviço de algum link dentro do nosso site, a Central Xbox pode ganhar uma comissão. A Central Xbox é um parceiro da Amazon, Rakuten e de outras afiliadas.


Seja membro VIP da Central Xbox no YouTube e tenha acesso a conteúdos exclusivos, além de seguir no Twitter, Instagram ou Facebook para ficar por dentro de todas as novidades sobre Xbox.

Xbox Game Pass Ultimate é o serviço por assinatura que une Xbox Live Gold que ter permite jogar online, bater papo com amigos, resgatar os jogos do Games with Gold, ter descontos exclusivos além de muitas outras vantagens; o Game Pass que é a biblioteca de jogos por assinatura, onde você terá disponível uma grande quantidade títulos atualizados todos os meses, incluíndo todos os exclusivos do Xbox no lançamento; o XCLOUD que te permite jogar uma enorme lista de jogos através de um Tablet, Smartphone, Navegador ou Aplicativo para Windows 10 e o catálogo da EA PLAY, com mais de 70 jogos da Eletronic Arts. Vale lembrar que você pode assinar o Xbox Game Pass Ultimate por apenas R$5. Clique aqui e assine! *Válido apenas para novos assinantes.