Pega essa Análise! Project Cars 3

0
87

Uma mudança drástica porém muito divertida! Project Cars 3

Atenção! Project Cars 3 não é mais um simulador de automobilismo, e talvez essa seja a melhor coisa que poderia ter acontecido com a elogiada série de jogos de corrida da desenvolvedora Slightly Mad Studios.

Se você perguntar para qualquer pessoa sobre Project Cars, a resposta padrão será; um jogo de automobilismo virtual com uma simulação ultra-realista – porém, com o terceiro título da série chegando, agora temos menos realismo, mais diversão – assim como em Forza Motorsport.

Sempre que a gente faz uma análise de um jogo de corrida, um dos nossos maiores pontos é a questão da dirigibilidade, pois como de muitos de nós sabemos, a maioria dos jogadores de console infelizmente não tem um volante, e grande parte, acaba se frustrando em jogos mais evoluídos de automobilismo, como Project Cars 2 ou Assetto Corsa Competizione.

Quando a gente fala em frustração, estamos nos referindo na questão diversão. É quase impossível dirigir um dos carros de competição GT3 em Assetto Corsa sem o devido equipamento, e até então, era a mesma coisa nos títulos antecessores da franquia Project Cars.

Lembro como se fosse ontem, eu colocando minhas mãozinhas no primeiro título da série Project Cars em 2015, doido para colocar os carros mais icônicos para dar uma volta nos autódromos mais famosos do mundo … e … simplesmente não conseguia se quer deixar o carro na pista.

O nível de dificuldade em controlar o carro, mesmo numa dificuldade baixa, e cheia de assistências era enorme, e isso foi fatídico para a época, pois o jogo servia como uma porta para aqueles que não conheciam e instigava muitos dos aficcionados em automobilismo virtual a ter a chance de se divertir num dos maiores títulos da época em um console. O primeiro Project Cars marcou, mas foi Project Cars 2 que trouxe o título de um dos jogos de corrida de simulação mais influentes da década.

Project Cars 3E ai chegamos em Agosto de 2020, onde Project Cars 3 foi lançando e desde os primeiros estágios de desenvolvimento, a Slightly Mad Studios já mostrava indícios de que o novo título seria puxado mais para as corridas Simcade, assim como Forza Motorsport 7, e em certas situações, pode até parecer mais um novo Need for Speed do que um sucessor de Project Cars 2 – uma mudança de direção que a base de fãs do jogo não gostou.

Ao abrir o jogo o seu primeiro contato pode não parecer muito bom (dúvido), mas os menus são completamente simples, tudo muito colorido, e cheio de tutoriais espalhados por todos os cantos, algo que não é comum em jogos de simulação em automobilismo.

Os iniciantes recebem muitas ajudas de direção, enquanto os profissionais precisam lutar muito para manter os poderosos carros de corrida nas pistas. O modelo de manuseio funciona muito bem, mas não são tão realistas quando iRacing ou Assetto Corsa, mas proporcionam um desafio maior que GRID ou Forza 7.

A mecânica de direção do Project Cars 3 é muito confortável. A Slightly Mad Studios se dedicou bastante em fazer você ter uma dirigibilidade tranquila tanto no controle como no volante. Esta é a primeira vez na série, e é por isso que muitos novos jogadores provavelmente irão migrar para essa edição do jogo. Na maior parte, os carros parecem aterrados, mas nunca se tornam tão realistas que não sejam divertidos de andar na pista. Isso não quer dizer que o jogo seja fácil. A física oferece aos jogadores um desafio justo, apenas um que não é determinado em centenas de horas de prática metódica com cada veículo, como pode ser encontrado em títulos de simulação mais verdadeiros.

Project Cars 3 é excelente em variedade. De muscle cars clássicos a carros japonêses, clássicos Fórmula a Hyper Cars, bólidos GT3 incluíndo o novo Corvette … são mais de 200 carros e 121 layouts de pistas estão no jogo, e a variedade não termina aqui. Muitas das pistas e circuitos mais icônicos do mundo do automobilismo virtual, como Nürburgring, Interlagos e Silverstone, estão presentes no jogo porém, a desenvolvedora se atentou também para alguns locais menos conhecidos como Oschersleben ou a pista de teste oficial da Ferrari em Fiorano. Quer mais?? Que tal uma volta pelo cenário paradisiaco de Côte d’Azur, na França ou Monument Canyon nos EUA?

Project Cars 3

Project Cars 3 não se trata apenas de terminar em primeiro na corrida também. Há time attack, eventos especiais, desafios e até eventos exclusivos onde você visa destruir placas de trânsito coloridas para ganhar pontos. Conteúdo suficiente para você jogar por horas e horas.

Porém para curtir tudo isso, infelizmente você terá muito trabalho no modo carreira. Existem dez classes com quatro séries de corrida cada (e muitos eventos especiais), e você precisará passar por todos eles para atingir uma classe superior, cumprindo requisitos específicos durante as corridas.

O Modo Carreira, na minha opinião, é a melhor que vimos na série até agora. Há uma ênfase na personalização de veículos e na compra de atualizações para torná-los mais rápidos e mais fáceis de manusear. Cada evento parece bem elaborado e exigiu um punhado de tentativas para dominar perfeitamente.

Os jogadores podem escolher um veículo inicial que tenha tração dianteira, traseira ou com tração em todas as rodas, e com isso somos incentivados a personalizar o veículo com cores, padrões e até placas de identificação personalizadas. Os veículos são divididos em classes e a campanha orienta os jogadores na classificação para tipos de veículos mais desafiadores.

Correr e conseguir dinheiro para comprar um novo veículo para a próxima classe é um sistema de recompensa divertido que faz os jogadores quererem continuar voltando para obter o seu melhor tempo. Gerenciar atualizações para maximizar a produção sem passar dos limites para a próxima classe de veículos foi profundamente divertido. Também é gratificante poder atualizar a classe do carro inicial ao longo do jogo. Um veículo favorito pode ser modificado para atender aos critérios de quase todas as classes e, portanto, pode ser levado quase até o fim da campanha.

O que é legal sobre o Project Cars 3 é o novo recurso de ajuste, agora é possível instalar novos freios ou um motor melhor e transformar um carro padrão em um monstro das pistas e isso é divertido. Nada de novo, mas divertido.

Embora na maioria das vezes isso seja divertido, pode gerar muita frustração, uma vez que você terá que repetir alguns eventos para ganhar dinheiro suficiente para evoluir na campanha. Além disso, Project Cars 3 proporcionará muitas punições e poderá ser muito mais frustrante porque não existe o recurso de retrocesso no jogo. Uma errada na última curva significará ter de começar tudo de novo. Frustrante, certo?

Project Cars 3Os gráficos do Project Cars 3 são os maiores problemas do jogo. Em um momento, o jogo ficou lindo com belos reflexos nas ruas molhadas e iluminação impressionante. Mas, no momento seguinte, ta tudo uma bagunça, iluminação exagerada e (estranhamente, apenas às vezes) modelos de carros desbotados.

O clima dinâmico também existe. Embora a formação de poças de forma realista seja ótima e altere o comportamento do carro na pista, os efeitos da chuva parecem bem desatualizados. Ah, e o sistema de dano ainda está longe de ser bacana. Bater em veículos acarreta apenas em danos visuais, sem nenhum efeito no manuseio do carro. Meio decepcionante.

Mas enfim… qual a nossa conclusão?

Num geral Project Cars 3 é muito divertido. É mais colorido, fácil de se acostumar, e muito mais divertido nas pistas. Os modos de carreira oferecem variedade suficiente para motivá-lo por horas e horas. Mas é a experiência de corrida nas pistas, onde o jogo realmente brilha.

Os gráficos e o modelo de danos poderiam ser melhores, mas todo o resto é realmente convincente. Embora os fãs de corridas de simulação ainda chorem por falta de realismo, todos os que gostam de jogos de corrida vão gostar do Project Cars 3. O jogo está caminhando na linha tênue entre a jogabilidade casual e o realismo exigente.

Você pode nos seguir no YouTube, Twitter, Instagram ou Facebook para ficar por dentro das novidades mais recentes da família Xbox. Se quiser, pode ver outras análises feitas pelo nosso time clicando aqui.
REVER GERAL
Nota do Autor
8.5
Natural de São Paulo - BR, atualmente morando na Florida - USA, tem mais de 20 anos de experiência com Planejamento, Criação e Marketing, ama música, toca bateria e seu principal hobby são os Games.