Pega essa Análise! Niffelheim

Niffe… o quê?!

Jogamos e analisamos! Em mais uma análise, nós jogamos o Niffelheim, que foi desenvolvido Ellada Games e chegou ao Xbox One no dia 20 de setembro, logo após ficar um certo tempo disponível no PC. Antes de começarmos, podemos dar uma pista de que a direção de arte está INCRÍVEL, e que Niffelheim é um jogo de excelentes gráficos, texturas e imersão. Mas, infelizmente, não é perfeito. Pega essa Análise! Niffelheim

Mas espera, do que se trata esse jogo?

Então meu jovem, Niffelheim é um jogo de sobrevivência, com um certo toque de ação. Digamos assim, se trata de um Minecraft em 2D, em que é possível você minerar, “construir”, forjar armaduras, travar batalhas com inimigos pelo mapa, cozinhar… Enfim! O jogo lhe traz várias possibilidades para você fazer. E caso você goste de história, saiba que o jogo possui algumas missões para dar algum certo enredo ao jogo.

Pega essa Análise! Niffelheim

(Momento para frase pensativa e inspiradora)

Os guerreiros permanecem guerreiros, mesmo após a morte. Prepare-se rumo ao último desafio e prove-se aos Deuses. Na vida, você nunca se assustou com o frio, a escuridão e a morte, e não será agora que terá medo. Certifique-se de ter provisões suficientes, defenda-se e desvende os mistérios dessas terras.”

Mas então, como é o jogo?

Ah, o jogo… Algo muito lindo, seus gráficos, embora 2D, promovem uma linda imersão no jogo. Eu admito, é um dos poucos jogos 2D com tamanho trabalho gráfico que eu já joguei. Todos os detalhes, das penas das galinhas, armadura, armas, são extremamente excelentes, com alto níveis de detalhes. Mas é claro, um jogo não é somente gráficos!  O jogo possuí várias outras coisas que o deixam mais lindo.

A trilha sonora também é muito linda, as músicas variam de acordo com a tensão do ambiente, possui sempre um ritmo calmo para momentos normais, ou um ritmo acelerado para momentos de ação do jogo. Como os gráficos, a desenvolvedora deu muita importância a trilha sonora do jogo, e conseguiu fazer com que a imersão seja ótima.

Pega essa Análise! Niffelheim

Na questão do design do mundo, o jogo também se destaca. Como é um jogo de criação, você irá precisar de recursos da natureza, certo? E com certeza os recursos acabarão. Mas aqui, os recursos naturais se regeneram, o que torna muito mais fácil a coleta de recursos. Somente uma coisa me incomodou: o tamanho do seu mapa. Claro, o jogo não permite que você construa em qualquer lugar, você deverá construir sua base ao lado de seu castelo. Mas caindo entre nós, o mapa poderia ser um pouco mais grande, até mesmo para aumentar a exploração do jogo.

Na questão de jogabilidade, o jogo pode chegar a incomodar um pouco. Como por exemplo, você é simplesmente jogado no jogo, sem tutoriais e nem dicas. Claro, posso estar sendo muito chato em reclamar disso? Posso, mas por exemplo, você realmente iria querer um tutorial, já que o jogo não lhe explica como você precisa fazer tal item. Claro, os crafts mostravam a receita, mas, não como obter tal item. Os comandos do jogo são fluidos, quer dizer, nem sempre. Às vezes, você manda o personagem parar de correr, mas ele continua por mais alguns centímetros. Mas de resto, o jogo está bom.

Pega essa Análise! Niffelheim

Outro fato que deixa o jogo mais “hardcore” é o fato de que se você morrer para subir a sua vida e fome, ou seja, de propósito, o jogo irá diminuir a vida e fome total. Eu morri várias vezes, e quando eu comecei o jogo, ele estava com mais de 100 de vida e fome, e meu personagem está atualmente com 65 de vida e 50 de fome. Mas não se preocupe, a vida e fome total irá aumentar aos poucos.

Mas então, o jogo é perfeito?

Sim, pelo menos na maioria do tempo. Eu não havia encontrado nenhum bug que altere a jogabilidade, apenas um bug em que não aparecia o nome do item prestes a quebrar, e sim, aparecia um “ITEM:NAME vai quebrar em breve”, algo simples que pode ser corrigido com uma atualização.

Pega essa Análise! Niffelheim

Outra coisa que me incomodou foi o fato de ser poucas GameScore, são apenas 1000G, e é muito demorado para obter as conquistas. Então, caso você estiver atrás de GameScore, não recomendo.

Fora isso, o tamanho do mapa chega a incomodar, embora o jogo não lhe permita a construir. Outra coisa que chegou a incomodar é o fato de que toda vez que você iniciar o jogo, irá começar a passar um vídeo, claro, dá para pular ele, mas pensa comigo, se você está com pressa para jogar, ou você irá sair em breve, você terá que esperar o vídeo aparecer, e para daí sim o jogo começar a carregar de fato. Pensa comigo, esse tempo em que o vídeo começa a reproduzir, poderia se tornar uma tela de loading, para fazer o jogo carregar mais rápido.

Pontos positivos
  • Ótima trilha sonora, gráficos e detalhes;
  • Ótimo envolvimento com o ambiente;
  • Quase nenhum bug perceptível.
Pontos negativos
  • Gamescore escassos e difíceis de completar pode afastar os caçadores de conquistas;
  • O fato de ter poucos tutoriais prejudica os novos jogadores.

Niffelheim

REVER GERAL
Nota do Autor
7
Não tenho muito a dizer. Só sei que gosto de games (especialmente GTA), tecnologia e aviação. Hey, use meu código de apoiador no Fortnite! Use: Fortwilson.