Pega essa Análise! Sea of Solitude

A solidão nunca é um bom negócio!

Desenvolvido pela Jo-Mei GmbH e publicado pela EASea of Solitude nos traz uma gameplay bem dinâmica, um visual muito legal e uma história descente. O nosso time fez uma análise emocionante e resultado dessa experiência você confere agora. Pega essa Análise! Sea of Solitude

História

O game é focado na história da nossa amada e querida Kay, ela vive em um universo onde pessoas que sofrem com solidão, depressão são transformadas em monstros, inclusive você.

Em sua jornada o grande objetivo é tentar entender o que está acontecendo e buscar se tornar um ser humano melhor. O jogo parece uma caça aos monstro mas isso é apenas uma série de metáforas, na verdade esses monstros seriam algo interno, do subconsciente dela.

Durante toda a jornada ela acaba descobrindo que muitas pessoas estavam sozinhas e magoadas e como ela não estava prestando tanto atenção deixou isso passar batido. Seu grande objetivo é tentar ”resgatar” essas pessoas e destruir seus monstros interiores para que elas possam viver em paz e para que você encontre sua paz de espírito.

A jornada conta com alguns momentos bem emocionantes onde nós conseguimos entender porque tudo aquilo está acontecendo, em vários momentos podemos fazer uma ligação do jogo com o que acontece no mundo atual com os seres humanos.

O jogo é bem rápido mas ele consegue entregar bem diante da sua proposta, jogando de boa sem correria conseguimos concluir ele em aproximadamente 3 horas.

Pega essa Análise! Sea of Solitude

Jogabilidade

A jogabilidade do game é relativamente bem simples, o que mais temos como grande desafio são os puzzles espalhados por toda a aventura.

Nossa simpática protagonista tem apenas um onda de luz como seu guia e um barquinho que ela usa para navegar, seu grande objetivo é ir descobrindo os mistérios e tentar purificar o lugar que está devastado pela solidão.

Nessa ”brincadeira” acabamos enfrentando vários monstros e temos que tomar cuidado com eles, existe realmente um momento certo para você ir de determinado ponto para outro senão vai acabar sendo morto.

Em alguns momentos acaba rolando uns bugs mas nada que atrapalhe muito a gameplay, é basicamente um movimento involuntário ali uma atravessada na parede acolá.

Existe alguns ”combates” que não são tão diretos, é mais na resolução de alguns desafios e depois usando um sistema de destruir corrupções, que é um tipo de portal ”infectado” que quando é destruído ele acaba ficando purificado.

A grande trama é tentar acabar com a solidão e destruir tudo que está sem cor pelo mundo onde nossa amada Kay avança.

Pega essa Análise! Sea of Solitude

Gráficos e Som

Sem dúvida os gráficos são uma das coisas mais legais do game, o jogo soube trabalhar bem a palheta de cores, já que estamos falando de solidão.

Eles conseguem mesclar bem e mostrar quando a personagem está passando por momentos mais turbulentos ou quando a coisa está entrando nos eixos, tudo isso apenas mudando as cores do cenário.

O jogo acaba pecando por não ter PT-BR, nem uma legendinha sequer… como ele tem muito foco na história seria interessante essa ferramenta para atrair também pessoas que não falam outro idioma, a pessoa pode até zerar o game mas fica meio avulsa na trama.

A trilha sonora do game é perfeita e deixa toda a aventura muito mais interessante, tudo casando bem com o que vai acontecendo no decorrer do game.

É interessante ver o cuidado que a produtora teve para trazer uma trilha sonora realmente inspiradora que te deixa completamente imerso e focado na história.

Pega essa Análise! Sea of Solitude

Pontos Positivos

  • Trilha Sonora;
  • Direção de arte;
  • História interessante.

Pontos Negativos

  • Sem legenda PT-BR;
  • Alguns bugs estranhos.

Sea of Solitude já está disponível na Microsoft Store por R$ 54,95.

REVER GERAL
Nota do Autor
7.5
"Boy I started on the bottom, made my way to the top!!" - Amo games, séries, filmes, música, NBA, NFL,futebol... além disso sou quase um Engenheiro.