Se mexe em time que está ganhando?

Produtora: Codemasters
Desenvolvimento: Codemasters
Lançamento: 24/08/2018
Plataformas: Xbox One & PC
Gênero: Corrida, Simulação

Esta época do ano é bem “difícil” para os gamers que gostam de esportes. Atualmente temos grandes títulos de esporte chegando para o One; Madden 19, NBA 2K19, FIFA 19, PES 2019 além de outros que chegarão em breve, então fica difícil pensar exatamente onde investir seus suados “Temers”. Porém estamos falando de F1 2018, jogo oficial da categoria e desenvolvido  novamente pela competente Codemasters. Mas e aí, será que além da introdução do Halo, eles nos trouxeram novidades? F1 2018 – Análise / Review

Depois do título do ano passado, o gostinho do “poderia ser melhor” ficou no ar para muitos fãs, já que a versão 2017 sofreu poucas alterações. F1 2018 chega, trazendo as novidades vindas por conta da aquisição da categoria pelo grupo Liberty Media, que começou a fazer várias mudanças e promete transformar tudo aquilo que conhecemos como Fórmula 1.

Será que essas mudanças ficaram apenas restritas a isso ou o pessoal da Codemasters resolveu afundar o pé no acelerador para que o título deste ano seja o melhor jogo de corrida de todos os tempos? Veja em nossa análise o que nós achamos de F1 2018.

Acelerando pelas pistas virtuais

Não podemos deixar de destacar o trabalho que o time da Codemasters vem fazendo nos últimos anos. A jogabilidade vêm evoluindo de forma consistente e a cada ano conseguimos, mesmo que de uma forma mais discreta perceber que o foco deles é cada vez mais trazer a experiência de dirigir um monoposto para dentro da nossa sala.

F1 2018 - Análise / ReviewInfelizmente nem todos irão conseguir perceber todas essas alterações e novidades, principalmente aqueles jogadores mais casuais. Segundo o diretor Lee Mather, F1 2018, as maiores mudanças neste ano serão percebidas pelos jogadores que buscam por uma experiência mais próxima do real, aqueles que pretendem jogar com o mínimo de assistências ligadas, tendo em suas mãos todo o comportamento dos carros além do comportamento dos mesmo em relação a aderência dos seus pneus.

Outra novidade que foi implementada no modo carreira foi a adição de Claire, repórter por cobrir o campeonato e analisar o seu desempenho nos finais de semana de Grand Prix. Isso é a mostra de que a Codemasters, mesmo que devagar, pode levar o seu modo carreira para os mesmos caminhos seguidos pelos jogos da EA Sports, aonde temos uma maior imersão nesses modelos de jogo.

F1 2018 - Análise / Review
Claire – F1 2018

É Claro que essa inclusão ainda é bem tímida, com Claire apenas questionando o seu desempenho ao final de uma sessão de treino ou corrida, mas somente este tipo de contato já pode ajudar a definir qual será o seu rumo dentro da sua equipe e das demais além da sua relação com os mecânicos e seu companheiro.

Leia Também:  Pega essa Análise! Sniper Elite V2 Remastered

Esta foi uma boa jogada da Codemasters, mas esperamos que eles invistam mais para a próxima edição do game.

E a evolução gráfica continua

Se você é aquele jogador que está aqui mais pela diversão do que pela simulação, com certeza vai perceber que a evolução está acontecendo não só na jogabilidade e simulação, mas também na parte gráfica. Além das mudanças pontuais para a temporada deste ano e pela nova interface introduzida pelo pessoal da Liberty, a Codemasters continua nos brindando com uma ambientação gráfica ótima.

Tudo o que envolve as corridas está mais vivo e muito mais bem construído, é nítida a evolução e preocupação em entregar algo mais refinado. Você já percebe que os mecânicos, fiscais e torcedores já não são mais meros itens de composição do ambiente, mas sim NPCs bem construídos. Isso ajuda demais na imersão, fazendo realmente a gente se sentir dentro do ambiente da F1.

F1 2018 - Análise / Review
Essa Sauber é linda demais…

Já na pista, correndo fica um pouco mais difícil de nós percebermos essas mudanças, mas pode ter certeza, elas estão lá! Experimentem sair da pista e irem ‘passear’ pela grama um pouco, vocês vão ver todo o sistema de partículas trabalhando, com fumaça que é levantada, a maneira com os detritos vão se acumulando pelos pneus ou até nos momentos de extrema tensão com a visão praticamente tomada pela água quando corremos com chuva, além da neblina cobrindo todo o autódromo, criando aquela atmosfera sensacional.

O Ronco dos motores também fala alto

Quando escrevemos a respeito de um simulador de corridas, uma parte importante é sobre como o som dos motores é trabalhado. E F1 2018 não vai te decepcionar amiguinho. O trabalho do pessoal da Codemasters foi extremamente competente e mesmo que os atuais motores V6 que equipa os monopostos hoje não ‘berrem’ como um V8 ou V10 a gente consegue perceber toda a potência despejada na reta assim como a diferença entre cada uma das equipes e seus motores.

F1 2018 - Análise / Review
Williams nos seus dias de glória

Outro ponto de destaque fica para os carros lendários, que são a cereja no bolo na hora de acelerar! Não deixe de fazer uma corrida com um dos carros mais antigos da categoria para você escutar como essas ‘baratinhas’ roncavam alto no passado.

Carros e adversários mais inteligentes

Os carros de F1 são diferentes dos outros veículos de corrida. Se você jogou as versões anteriores, notará uma diferença absurda em muitas situações. A sensação de velocidade é muito real, e isso é muito importante. Isso ajuda a distinguir as corridas de F1 da NASCAR e outros tipos de esportes automotivos.

Leia Também:  Pega essa Análise! Sniper Elite V2 Remastered

O dano realista do carro aumenta a imersão e há penalidades mais rígidas para pagar corridas imprudentes. Se você não conhece anteriormente a F1, este jogo irá te ensinar e muito sobre o que pode e o que não se pode fazer durante uma corrida. Independente de volante ou controle, vamos assumir que F1 2018, aproveitou o que foi feito no ano passado e melhorou um pouco mais a jogabilidade além da inteligência dos seus adversários.

F1 2018 - Análise / Review
Ladies and gentlemen, start your engines

É muito legal ver como os adversário se comportam quando você começa a colocar um pouco de pressão neles, a AI começa a trabalhar na defesa da sua posição, mudando sua tática, tempo de freada, fazendo com que você precise se arriscar mais para obter sucesso em qualquer ultrapassagem.

Se você jogar no modo carreira e prestar atenção às práticas, preparação e trabalho em equipe necessárias para ser bem-sucedido, é quase impossível não obter uma apreciação pelos profissionais envolvidos com a F1.

Outro ponto de destaque fica para os carros clássicos, que assim como na versão 2017 marcam presença. Você vai poder sentir toda a dificuldade de segurar na pista a Mclaren MP4/4, guiada pelo nosso grande Ayrton Senna, além outros carros icônicos da Ferrari e Williams por exemplo.

F1 2018 - Análise / Review
Saudosa McLaren

Bem amigos da Central Xbox…

F1 2018 é feito para quem é amante de velocidade e fã da maior categoria de monopostos do mundo! O novo título da Codemasters nos traz uma evolução balanceada mas que infelizmente sofre por conta do pouco tempo de desenvolvimento disponível por conta de ser uma franquia anual, pouquíssimas novidades em relação ao que foi apresentado em F1 2017.

F1 2018 - Análise / ReviewO jogo é uma adição ótima para quem é fã, mas infelizmente não há como não ficar com aquela impressão de que poderia ter sido feito mais além de evoluções na jogabilidade e nos gráficos. Acreditamos que assim como nós, todos os fãs esperavam por mais novidades neste ano e não só aquele tapa no que já vêm dando certo.

E você, o que achou do game? Utilize as nossas redes sociais para deixar a sua opinião, ela é super importante para nós!

F1 2018 já está disponível na Microsoft Store por salgados R$ 230,00.

F1 2018 – Análise / Review