Comemorando essa década e meia de Xbox, várias curiosidades surgiram ao longo desse tempo. Reunimos algumas para vocês!

 

10 – Xbox foi projetado inicialmente no formato de um X

O Xbox original foi imaginado com o formato de X, mas aparentemente Bill Gates teve algumas ressalvas em relação a aparência do console, então ele voltou atrás e fez a equipe projetar em uma retangular, no qual é muito parecido com o nosso Xbox One.

 

9 – Xbox foi oferecido como parceria para a Sony

Como já foi postado aqui hoje, no final dos anos 90, os criadores propuseram uma parceria com a Sony. Bill Gates se aproximou do CEO da Sony, Noboyuki Idei com essa ideia, mas Idei simplesmente disse não. Alguns acreditam que a rejeição foi um dos combustíveis para a Microsoft investir no Xbox para disputar com a Sony.

 

8 – Microsoft perdia $ 125,00 (dólares) em cada console vendido quando ele foi anunciado

Mesmo o Xbox sendo considerado hoje um grande sucesso, ele não teve um bom começo. Em 2001, a Microsoft perdia $ 125 em cada console que eles vendiam, lidando com um prejuízo de $ 4 bilhões ao longo de 4 anos. A história se repetiu com o 360, no qual gerou $ 126 de prejuízo por unidade vendida. Mas como eles conseguiram reverter essa situação e começar a gerar um lucro gigantesco? Bom, aparentemente todo console perde dinheiro quando começa a ser vendido, mas assim que os componentes começam a ficar baratos, o console começa a baratear a gerar lucro.

 

7 – Tecnologia do Kinect foi criada por membros da Força Militar Israelense

Kinect foi lançado pelo Xbox em 2010 em um esforço para competir com o Nintendo Wii, algo que provavelmente você já sabe, mas você sabia que foram engenheiros do exército israelense que desenvolveram essa tecnologia? Há rumores de que a empresa que criou a tecnologia, a PrimeSense, primeiramente focou nas vendas dessa tecnologia para a Apple, mas como Steve Jobs demorou para se decidir, a tecnologia eventualmente foi para a Microsoft.

 

6 – Microsoft fez um console antes do XBOX

Contrário ao senso comum, XBOX na verdade não foi o primeiro vídeo game da Microsoft. Antes do XBOX, a Microsoft formou um time com a SEGA e os ajudaram com o Dreamcast (lembram desse vídeo game?). A colaboração não foi muito bem e o Dreamcast acabou sendo descontinuado em 2001, no mesmo ano que a Microsoft se aventurou em seu próprio vídeo game.

 

5 – O logo do Xbox é verde porque era a única cor disponível

Xbox se identificou tanto com a cor verde, que é difícil imaginar outra cor como logo, mas no começo de tudo isso a decisão de usar verde não foi uma grande ideia para os designers. A lenda conta que a pessoa responsável for desenvolver o logo, escolheu o verde simplesmente porque essa era a única cor disponível entre os marcadores que ele tinha. O Co-criador Seamus Blackleys confirmou isso em uma entrevista com a IGN, ele disse “Um cara chamado Horace Luke, quando ele tinha alguma reunião ou algo do tipo para desenhar um logo para o cliente, ele levava um estojo com vários incríveis pinceis marcadores para pintar as ideias, o que foram imediatamente roubados por todas as pessoas. A única cor que tinha sobrado era verde que ninguém queria, e acabamos desenvolvendo todo o logo no dia com a cor verde, e hoje isso ainda continua verde”.

 

4 – 54% do Xbox 360 sofreu com “as 3 luzes da morte” no começo

O 360 foi uma grande dor de cabeça para a Microsoft. No começo além da Microsoft ter que lidar com o dinheiro perdido com cada console vendido, eles ainda tiveram que lidar com o fato que 54% dos consoles receberam a tenebrosa 3 luzes da morte, no qual indicava falha interna. Com uma melhora na qualidade de construção do vídeo game, esse número foi drasticamente diminuído.

 

3 – Microsoft vs MikeRoweSoft.com

Mesmo grandes corporações podem acabar perdendo a cabeça com uma única pessoa. Em 2003, um estudante canadense de nome Mike Rowe, começou uma empresa de web design com o nome de MikeRoweSoft.com (quando pronunciado rápido, a sonoridade é a mesma que Microsoft).

Aparentemente a Microsoft não ficou muito feliz com isso e seus advogados entraram em contato com Rowe pedindo pra ele desistir do domínio. Rowe recusou e pediu $ 10.000,00 em troca pelo site. Microsoft também recusou, mas Rowe acabou aceitando a contraproposta da Microsoft, no qual incluído um Xbox e alguns jogos.

 

2 – Xbox quase se chamou MARC

Xbox é um nome perfeito para um vídeo game. É simples e ao mesmo tempo excitante. Por isso é tão difícil imaginar ele com outro nome se não esse, mas quase que teve outro nome. Antes de chegarem no nome Xbox, os criadores recorreram a uma longa lista de potenciais nomes, incluindo: MAX (Microsoft Action Experience), MIND (Microsoft Interactive Network Device), MITH (Microsoft Interactive Theatre), TAC (Total Action Center), FACE (Full Action Center), and MEGA (Microsoft Entertainment & Gaming Attendant or Microsoft Entertainment & Gaming Assembly) e MARC (Microsoft Action Reality Center). Fácil perceber porque foram todos rejeitados.

 

1 – Japão odeia Xbox

Japão é um dos maiores mercados de jogos, mas aparentemente odeiam Xbox. Para efeito de comparação, quando o Xbox One foi lançado lá, chegou a vender 100 consoles em uma semana, comparados aos 15.000 consoles vendidos do PlayStation 4. Um fracasso total. De certa forma mostra uma certa rejeição dos japoneses por algo criado nos Estados Unidos (magoados pela Segunda Guerra).